quinta-feira, 8 de março de 2012

O que realmente ajuda a eliminar peso?

Fonte: Revista Endorfina

comer devagarDietas milagrosas, exercícios revolucionários, remédios, cirurgias e tratamentos estéticos... diversos métodos são oferecidos para quem quer perder peso. Saber o que realmente funciona é um desafio diante de tantas ofertas e opções. E isso é o que a Endorfina tenta descobrir agora.

Para a endocrinologista Patrícia Teófilo Monteagudo, a melhor maneira de perder peso é gastar mais calorias do que ingerir. Mas é preciso tomar cuidado, pois, segundo a profissional, só consegue tal resultado por meio de "uma mudança paulatina e persistente do estilo de vida", e métodos que prometem resultados rápidos podem não significar a queima daquelas gordurinhas incômodas.

"Perdas abruptas de peso não são eficazes, pois associam-se à diminuição de massa muscular, culminando em menor gasto metabólico", explica. Com isso, o corpo gasta menos calorias e pode ganhar peso quase tão rapidamente quanto perdeu, gerando o famoso "efeito sanfona".

Marcio Henrique Atalla, professor de educação física e colunista da revista Época, faz um alerta contra os métodos milagrosos. "Para emagrecer não existe mágica, temos que gastar mais calorias do que consumimos. Isso deve ser alcançado com atividade física regular e alimentação equilibrada. Qualquer outra coisa que digam que ajuda, que seca, que resolve, não acredite", diz.

Atividade física é  fundamental
Diminuir a quantidade de calorias ingeridas não é suficiente. É necessário mudar hábitos e costumes tanto alimentares quanto comportamentais. A Dra. Patrícia Monteagudo defende que a atividade física é essencial neste processo, não apenas por aumentar o gasto calórico, mas principalmente por "preservar a massa muscular, que sempre vai diminuir quando há restrição alimentar.

Além disso, aumenta a endorfina, diminui depressão e ansiedade e tudo isso se reflete em menos episódios de compulsão alimentar". Para escolher qual é a atividade física mais apropriada deve-se considerar a atual condição física. "Obesos graves nem devem correr ou fazer atividades que causem impacto, basta caminhar. O ideal para perder peso é caminhar em passo acelerado, o suficiente para não ficar ofegante, por 1 hora diária", conclui Patrícia. Você é  o que você come

A alimentação é  fator importante na guerra contra a balança, e, ao invés de entrar de cabeça em dietas radicais, é necessário mudar os hábitos alimentares. "Essas dietas milagrosas fazem a pessoa perder peso, mas não ensinam a se alimentar direito. A pessoa não mantém a dieta por muito tempo, por serem muito restritivas, e acabam ganhando peso novamente", alerta a nutricionista Marina Prieto. Ela defende uma alimentação mais natural, com frutas, vegetais, carnes magras, sempre evitando alimentos gordurosos, doces, industrializados com conservantes, etc. "O importante é comer os alimentos certos na quantidade certa", sintetiza.

Para conferir a matéria completa, clique aqui.


Você poderá aumentar seu conhecimento lendo as seguintes matérias:

Como você vai malhar em 2011?
Como você vai malhar em 2012?
Como perder a barriga?
O que realmente ajuda a eliminar peso?

0 comentários:

Postar um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Fique sempre atualizado!
Receba artigos por email!
Widget by MundoBlogger Instale este widget